Comece já... A poupar para realizar sonhos


#

Separe no mínimo 10% da sua renda e invista todos os meses. Tenha disciplina, mas não se prive dos pequenos prazeres, senão poupar vira um sacrifício

Trace metas

Sem objetivos definidos, não dá pra poupar. Coloque os objetivos às claras no papel. Sempre se pergunte:
Por que poupar? Por quanto tempo? Por que período? Por que este período?
Faça este raciocínio. Quer fazer uma viagem no fim do ano? Para onde? Quem vai? Quanto vai gastar? Em que data você sai? Que moeda vai usar lá? Quanto precisa guardar por mês? Precisa chegar a um número.

Identifique um produto que esteja de acordo com o seu objetivo

Procure no mercado produtos financeiros que atendam as suas expectativas.
Uma parte dessa reserva tem de ser direcionada para um investimento de renda fixa que lhe proporcione liquidez e segurança, como a poupança e, outra, para um fundo de renda variável, que proporcione maior rentabilidade do que a poupança. Mas lembre-se que existem riscos devido às oscilações de mercado.
Quando começar a poupar para a aposentadoria
Se você é jovem, não pense em algo tão distante, como a aposentadoria ainda. Comece seu exercício de poupança com objetivos de mais curto prazo. Com isso você poderá usufruir dessa poupança e fazer outros exercícios. A aposentadoria é importante, mas você precisa se doutrinar antes e os exercícios de curto prazo servem para isto.
Com 20 anos você possui um longo período pela frente para se programar e investir seu dinheiro, visando formar um belo colchão reserva.

Faça o raciocínio do dízimo

Poupe assim que você receber seu salário, como no dízimo. Reserve isso para você. Pague a você primeiro.
Defina um percentual da sua renda para você poupar com regularidade, não só um valor. Porque hoje você pode receber 3 mil reais, e amanhã 6 mil reais e sua poupança precisa estar coerente com as oscilações do seu orçamento.
Algumas pessoas conseguem direcionar 10% de seu orçamento para ajudar as igrejas, que para elas representa uma causa maior. Por que então, muitas delas não conseguem direcionar a mesma porcentagem para si, para suas poupanças?

Poupar requer disciplina. Mantenha a regularidade

Tenha disciplina e não faça cortes, tente se controlar.
Cortar gastos com pizza ou saídas com a família não representam um valor significativo ao fim do mês. Dados do IBGE mostram que os itens viagem, pizza e passeios (ou lazer) representam apenas 2% dos gastos das famílias brasileiras, e são os primeiros a serem cortados. O efeito é muito baixo no orçamento da família.
Cortando o lazer, o exercício de poupar fica insuportável.

Depois de atingir a meta, continue poupando

Existem pessoas que pagam 800 reais por mês, durante 48 ou 60 meses, na compra de um carro.
Curiosamente, no 61º mês elas não conseguem mais poupar 800 reais. Por que?
Acaba o carnê, o dinheiro vira poeira no orçamento.

Fontes consultadas
Fabiano Calil, consultor financeiro – www.fabianocalil.com.br
Aline Câmara, consultora de Investimento do Banco Geração Futuro de Investimento






Participe desta comunidade, você tem dúvidas sobre finanças pessoais?